capa-blog-digtrix.jpg

BLOG DIGITRIX

Insights para ajudar você a fazer uma verdadeira Transformação Digital na sua empresa e obter sucesso!

Saiba como não se estressar no processo de migração dos servidores


Quando se pensa a respeito do processo de migração de servidores, muitos tomadores de decisão se veem diante de uma série de benefícios que esta prática pode trazer, como os custos operacionais reduzidos, a oportunidade de construir novas plataformas operacionais e a consolidação dos recursos do Data Center.


No entanto, apesar do lado positivo, esta etapa pode ser bem estressante. Afinal, em alguns casos, quando não há uma boa estratégia de planejamento e migração, é possível que os valores sejam escalonados e até mesmo que a equipe de TI não consiga concluir as mudanças.


Por esta razão, é primordial estar preparado para dar este passo e é pensando nisso que a DIGITRIX trouxe quatro dicas simples para você não se estressar durante este processo e garantir que tudo ocorra com a maior eficácia possível. Confira:


1. Saiba exatamente o que você irá migrar


Seja para outro andar, outro estado ou para outro continente, você precisará fazer um balanço de seus ativos de data center existentes, a fim de determinar quais deles estarão envolvidos na migração e qual será a ordem ideal em que eles deverão passar por esta etapa.


Isso exigirá que você faça um inventário abrangente do que possui, realizando uma investigação extensa dos arquivos, silos e repositórios físicos para não acabar removendo um pedaço de hardware e software que seja extremamente importante para o funcionamento de todo o resto.


Dentro deste contexto, aliás, é importante não somente saber quais ativos você possui, mas também como eles funcionam e como se integram em sua infraestrutura. Para tal, vale a pena, inclusive, implementar uma ferramenta de rastreamento de rede que possa observar como os vários componentes do seu sistema interagem.


2. Realize um planejamento completo


As migrações de servidor devem ser planejadas em cada detalhe, antecipando todos os problemas a serem enfrentados e aproveitando este momento para realizar todas as alterações necessárias. Para isso, considere alguns fatores, como:

- Consistência de dados;

- Alterações de banco de dados;

- DNS;

- Contas de e-mail;

- Problemas de IP;

- Certificados SSL;

- Alterações de versão do software;

- Alterações do sistema operacional.


Além disso, antes de migrar seu servidor da web, aproveite também para revisar seus requisitos de hospedagem, encontrando um provedor que se adeque às suas necessidades e aproveitando ao máximo este momento para fazer a troca.


No mais, não se esqueça de dimensionar este servidor de maneira apropriada, certificando-se que os problemas sejam corrigidos. Lembre-se: Se você planejar adequadamente, as migrações ocorrerão sem problemas.


3. Programe-se para um período de inatividade


As migrações de servidor quase sempre envolvem algum período de inatividade. Diante disso, embora algumas empresas promovam que conseguem mitigar este tempo por completo durante a transição, é importante que você se mantenha atento e tenha um plano B na manga – especialmente se trabalhar coletando comentários de blog, postagens de fóruns ou outros itens gerados por usuários.


Tenha em mente que, ao não planejar esta migração e deixar que ela transcorra sem qualquer cuidado, é possível que haja uma perda de receita ou até mesmo um custo para o seu negócio durante este período. Isso fará com que você tenha que arcar com este “prejuízo” gerado pela interrupção do serviço – o que, certamente, não será benéfico para a sua companhia.


Por este motivo, calcule bem o período de inatividade e deixe sua equipe preparada para qualquer eventualidade. É fundamental se programar para esta pequena pausa e, de fato, deixar tudo organizado para que ela seja a menor possível.


4. Encontre uma empresa especializada para este processo


Como visto acima, a migração precisa ser realizada de forma especializada e por uma equipe que saiba o que está fazendo, a fim de otimizar o processo e mitigar o período de inatividade.


Por esta razão, é importante contar com uma empresa que possa auxiliá-lo durante toda a etapa e a DIGITRIX é a ideal para este serviço. Isso porque a companhia apresenta diversas soluções em TI, mantendo seu foco em Cloud Computing e em diferentes gerenciamentos, como os de: Infraestrutura, Segurança, Backup, Fornecedores de TI, Projetos e Desenvolvimento de Intranet Corporativa.


Entre em contato para saber mais e descubra como a DIGITRIX pode ser indispensável neste momento tão importante!